12 rituais de gestão de pessoas para implementar na empresa

Rituais de gestão de pessoas melhoram o engajamento e impulsionam a produtividade. Saiba como implementar na empresa.
rituais-gestao-de-pessoas

Os rituais de gestão de pessoas podem ajudar a criar um ambiente mais organizado, onde as expectativas estão claras e o time está alinhando com as tarefas e as metas a serem atingidas, principalmente na rotina ágil de uma operação.

Nesse artigo, te explicamos o que são e como implementar rituais de gestão na sua empresa, além de boas práticas e dicas para adotá-los no dia a dia. Confira!

O que são os rituais de gestão de pessoas?

Rituais de gestão de pessoas são ações e práticas que reforçam os valores e a maneira como uma empresa trabalha.

No mundo corporativo, os rituais de equipe são essenciais para guiar e fortalecer a cultura organizacional, pensando em cada atividade e encontro como uma oportunidade de impulsionar o comprometimento e união dos colaboradores. 

Essa harmonia reflete em maior produtividade e senso de pertencimento.

12 exemplos de rituais de gestão de pessoas

Pensando que rituais aproximam o time e também a liderança, separamos 12 exemplos que podem ser implementados por qualquer empresa, considerando suas particularidades e cultura. Confira:

Planning ou Kickoff 

Para alinhar expectativas e organizar um novo projeto, algumas empresas realizam uma reunião de kickoff, que nada mais é do que esse start para começar uma campanha ou estratégia com todos alinhados. A planning tem essa mesma função, mas algumas empresas utilizam essa reunião para organizar a semana, definindo metas e atribuindo atividades.

Daily

Como o nome sugere, a daily também sugere uma maior organização no curto prazo. São encontros diários com toda a equipe, geralmente de 15 a 30 minutos, apenas para passar as prioridades de todos do time, tirar alguma dúvida ou priorizar alguma tarefa. É ótimo para trabalhos que são remotos ou que tem poucas reuniões, pois é uma maneira ágil de organizar as demandas. 

Weekly

Seguindo a linha da organização semanal, a weekly é uma reunião semanal que pode reunir vários departamentos para apresentar um overview geral de cada área, apontando pontos positivos ou a melhorar nas próximas semanas.

One-on-One

One-on-One são reuniões que acontecem regularmente entre líder e liderado, com o objetivo de aproximar ambos. Permite uma ampla gama de pautas, mas em geral, incluem discussões sobre desempenho, alinhamento de expectativa, pontos a melhorar e oportunidades de crescimento dentro da empresa/área.

Onboarding

O onboarding pode ser uma reunião, um conjunto de encontros e até mesmo um evento com o objetivo de integrar novos colaboradores a empresa. Pode incluir um tour pela companhia, papo com lideranças e até mesmo um “buddy”, que nada mais é do que um outro colaborador que pode acompanhar o novo integrante nos primeiros dias, tirando dúvidas e esclarecendo como a cultura organizacional funciona na prática.

Happy Hour

O happy hour é uma ótima oportunidade para gerar conexão para além do escritório. No dia a dia, pode ser difícil se conectar com outras áreas ou mesmo com a própria equipe, e esse momento pode ser o momento ideal para fortalecer vínculos. Pode ser feito presencialmente ou até mesmo de maneira virtual, caso a equipe esteja trabalhando remotamente.

Encontro de retrospectiva ou debriefing

Sempre que um projeto ou evento chega ao fim, é importante ter um momento para passar pelos principais pontos, erros e acertos com os colaboradores envolvidos. Além de ser uma ótima maneira de adquirir conhecimento e validar ideias, é possível aprimorar processos logísticos e processos internos. 

Celebrações 

Momentos de celebração incluem desde aniversariantes do mês até a conquista de metas importantes. Celebrar conquistas é essencial para manter o time engajado, criando memórias e fortalecendo uma cultura de alto desempenho. 

Reuniões estratégicas e de liderança

Para garantir que as metas e objetivos sejam alcançados, é importante ter um momento apenas para olhar para indicadores. Fazer uma reunião de liderança, entendendo os desafios de cada gestor e entendendo como isso está refletindo no atingimento de metas é uma ótima maneira de construir estratégias assertivas e evitar surpresas desagradáveis.

Rituais de Desenvolvimento

O treinamento e capacitação do time é uma maneira de se destacar da concorrência e ainda desenvolver talentos únicos para sua empresa. Realizar workshops, capacitação e até dinâmicas pode ser uma ótima maneira de aumentar a retenção de talentos.

Brainstorming

Sessões de brainstorming são ideais para gerar novas ideias e propor soluções inovadoras, contribuindo para fortalecer a interação e o trabalho em equipe. Sessões de brainstorming são amplas, mas no geral, apresentam um tema central, como um lançamento de um novo produto, e os participantes são convidados a pensar em ideias de divulgação, vendas, comunicação e por aí vai, de acordo com suas competências.

Team Building

O team building tem o objetivo de fortalecer a confiança e o trabalho em equipe entre os colaboradores. Normalmente, tende a ser menos formal, incluindo atividades lúdicas e recreativas, eventos e em alguns casos, até viagens para aproximar os times.

Como definir rituais de gestão para a sua empresa?

Para definir rituais de gestão de pessoas analise os valores, crenças e propósito do negócio. Esses elementos serão a base da sua cultura organizacional e ajudará a entender os comportamentos que são esperados. 

Após definir os pilares da cultura, é hora de entender como ela está implementada na empresa, analisando como diferentes áreas trabalham e como os rituais serão mais adequados para a rotina e o fortalecimento da cultura. 

Envolve gestores e funcionários para avaliar os encontros que farão sentido de acordo com suas tarefas e metas a serem cumpridas. Às vezes, algumas áreas não vão se beneficiar de uma daily, mas podem impulsionar os resultados e fortalecer a comunicação implementando um encontro semanal, a weekly. 

O importante é entender as necessidades do negócio, como o trabalho é realizado e ser flexível, adaptando diferentes rituais de acordo com a demanda da empresa.

Uma vez que os rituais estão definidos, é importante garantir a constância, repetindo até que vire um hábito Seu valor está  justamente na regularidade, que depende totalmente da execução. 

Elabore um calendário que seja capaz de ser cumprido e alinhe com a gestão. Por exemplo, um one-on-one não precisa ser semanal, pode ser realizado de 15 em 15 dias ou dependendo do cargo, uma vez por mês. Implementar ferramentas de gestão também é uma ótima maneira de organizar diferentes reuniões.

Boas práticas para melhorar a taxa de participação em rituais

Além de definir um calendário com encontros que façam sentido e implementar ferramentas e softwares, existem boas práticas que podem ajudar a aumentar a taxa de participação nos rituais de gestão de pessoas.

Vale ressaltar que a maioria tende a ser uma reunião oficial, ou seja, que pede a participação do time, mas é importante fazer com que os encontros frequentes sejam esperados pelos colaboradores, promovendo um maior engajamento. 

Garanta que a equipe conheça os rituais

Todos os rituais, assim como seus objetivos e nível de importância devem ser comunicados claramente, para todos os colaboradores. Só assim, é possível implementá-los na rotina diária ou mensal. Além de conscientizar, garante que todos estejam alinhados com o que a empresa valoriza. 

Colete feedbacks e opiniões

Construir junto, potencializa o interesse e o engajamento. Ao longo do processo, colha feedbacks e opiniões sobre a definição e implementação de reuniões, assim como sua frequência.  Ouvir e acatar as sugestões do time, tende a impulsionar a adoção e participação. 

Implemente rituais que façam sentido

Nem todo ritual vai funcionar para a realidade de algumas empresas. Entender o ritmo de trabalho, até as particularidades de diferentes áreas, é essencial para escolher rituais que vão impulsionar os resultados, não gerar mais atritos. 

Lembre-se que rituais promovem soluções, não problemas. Sendo assim, encontrar equilíbrio entre objetivo e relevância é essencial na hora de adotar uma nova reunião ou encontro.

Busque a evolução constante 

Rituais não são escritos em pedra. Propor melhorias constantes, de dinâmica, estilo e até duração é fundamental para mantê-los relevantes. Novamente, colete feedbacks e escute a equipe para testar e validar o melhor formato. 

Assim como o mercado e as empresas evoluem, os rituais também mudam e é preciso estar atento para não acabar com a agenda repleta de reuniões obsoletas. 

Benefícios de adotar rituais de gestão

Alguns dos principais benefícios de adotar rituais de gestão de pessoas é fortalecer a união da equipe e impulsionar a produtividade, construindo um ambiente mais colaborativo. Confira:

Aumenta o potencial de adaptabilidade

Com talentos engajados e capacitados, a empresa aumenta sua capacidade de inovação e criatividade, resolvendo problemas com assertividade e se adaptando em meio às mudanças constantes do mercado. 

Gera conexão entre empresa e funcionários

Por conta de sua regularidade e constância, os rituais criam um sentimento de conexão nos colaboradores, impulsionando o senso de pertencimento que diminui as chances de turnover. Sentir que faz parte e é integrado, faz toda a diferença no dia a dia, melhorando até os níveis de confiança. 

Melhora o engajamento do time

Feedbacks regulares, fortalecem o engajamento dos colaboradores, criando um relacionamento mais aberto entre líder e liderado, o que tende a impulsionar o desenvolvimento. 

Reforça a cultura organizacional

Rituais de gestão reforçam comportamentos que a empresa deseja difundir, além de fortalecer valores e práticas que devem ser seguidas por todos. Ao implementar o onboarding, por exemplo, é possível inserir o funcionário na cultura desde o dia um, e continuar impulsionando seu engajamento ao longo dos meses com outros encontros e dinâmicas. 

Como uma empresa pode ser afetada pelos rituais de gestão?

Toda empresa tem uma cultura, o que pode ser feito é reforçá-la ou não, e caso a empresa opte pela primeira opção, os ritos podem ser ferramentas essenciais. 

Como os rituais fortalecem comportamentos desejáveis e os valores do negócio, acabam naturalmente ajudando os funcionários a entender como podem se destacar naquele ambiente. Isso torna a comunicação mais transparente e o funcionamento do modelo de gestão de pessoas claro para todos. 

Ao fornecer encontros estruturados e constantes, os colaboradores conseguem alinhar expectativas, compreendendo como ajudar em suas respectivas funções. 

Além de promover um ambiente com previsibilidade, reduz a ansiedade que pode surgir de múltiplas informações desencontradas, promovendo um ambiente que preza pelo bem-estar e pela saúde mental da equipe. 

Em suma, rituais de gestão de pessoas são fundamentais para impulsionar a performance, pois contribui diretamente para um ambiente profissional que entende a necessidade de relacionamentos interpessoais e aspectos vitais da convivência em grupo.  

  • Amanda Moura

    Amanda Moura é formada em Ciências Sociais e do Consumo pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e se dedica a estudar comportamento, consumo e tendências.

    View all posts

Newsletter ImLog

Cadastre-se e conheça a logística sob um novo olhar

Mais lidos

Assine a Newsletter da Imlog

Esteja sempre antenado sobre as últimas notícias do universo logístico!