NRF 2024: principais insights do segundo dia de evento

Com mais de 175 painéis e cerca de 1200 expositores, o segundo dia da NRF 2024 foi marcado por soluções inovadoras. Confira!
nrf-2024-principais-insights-do-segundo-dia-de-evento

A NRF 2024 chegou ao fim, mas as atrações do evento vão permanecer com o público ao longo de todo o ano. A feira que aconteceu entre os dias 14 e 16 de janeiro encerrou mais uma edição, e como de costume, encantou o público com as tendências e tecnologias mais disruptivas do setor de varejo.

Com mais de 175 painéis e cerca de 1200 expositores, grandes nomes do mercado apresentaram soluções inovadoras, além de compartilharem visões estratégicas essenciais para os próximos anos.

Leia também: NRF 2024: principais insights do primeiro dia de evento

A Imlog, em parceria com Caio Reina, CEO da RoutEasy, que está acompanhando o evento,  trouxe um compilado com os principais highlights do segundo dia de evento, repleto de projetos sensacionais. Confira a seguir!

nrf-segundo-dia-caio-reina
Caio Reina, CEO da RoutEasy na NRF 2024

#1 – Relacionamento e soluções integradas

Soluções que fortalecem a conexão com o cliente tiveram destaque. O Google apresentou a AI generativa para fortalecer o relacionamento com o cliente, além de um novo Duet AI, um co-pilot para aumentar a produtividade das atividades de backoffice. 

A parceria entre Walmart e Wing (propriedade da ALPHABET), também foi um marco durante o segundo dia da feira.  Com a colaboração, será possível disponibilizar entregas de mercadorias via drones para os moradores de Dallas, nos Estados Unidos, ainda esse ano, contemplando cerca de 1,8 milhão de casas.

A Amazon também vem usando a tecnologia para integrar muito dos seus serviços, desde as soluções de entrega para e-commerce, passando por carrinhos de compras com automação de check-out até um conjunto de outras soluções de produtos específicos, em sua maioria,  de outras startups de nicho adquiridas pela empresa.

#2 – Trackeamento de conteúdo

Entre inúmeras soluções nichadas, a SAP apresentou um projeto que ajuda no trackeamento dos resultados de mídia em marketing de influência, possibilitando ter o resultado do engajamento medido e o acompanhamento dos investimentos.

#3 – VTEX fortalecendo posicionamento internacional

Listada na Nasdaq e mirando crescer no mercado norte-americano, a VTEX apresentou um forte posicionamento, despontando como um dos principais players para soluções de e-commerce. Além de ter um stand central no evento, a empresa liderada por Mariano Gomide fez um evento exclusivo no Glasshouse com a presença do ícone do basquete Magic Johnson. 

#4 – Automação e praticidade

Durante o evento, foi possível observar diferentes aplicações da tecnologia, voltadas principalmente para a automação.

A empresa Sensei apresentou um conceito de automação com baixo atrito chamado autonomous store – um conjunto de câmeras internas utilizadas para fazer o tracking das pessoas na loja e sensores de pressão nas prateleiras para saber quando um produto foi pego.

Outro tema que ganhou destaque no segundo dia do evento foi a evolução do carrinho de mercado automático. Com uma solução externa para contagem dos produtos usando imagem learning, essa abordagem resulta numa experiência personalizada, afinal, é capaz de identificar por onde o cliente andou e quanto tempo permaneceu na loja.

Visando o varejo, a Microsoft apresentou uma automação de picking para aplicações em e-commerce através da Robotics. Um ponto interessante é a redução de custo que esse tipo de  tecnologia proporciona: por 9 mil dólares é possível adquirir um sistema para 500 SKUs.

#5 – Maior visão computacional

A visão computacional permite que os varejistas identifiquem e rastreiem dados demográficos, emoções e comportamento dos clientes na hora da compra online.

A Cisco apresentou uma solução que reconhece gênero, idade e outras informações de perfil. Seguindo a mesma linha de análise comportamental, a Adyen consegue proporcionar uma  experiência personalizada de data-set oferecendo insights pontuais e especializados  para os clientes durante sua navegação. A visão computacional também vem sendo utilizada no check-out pela empresa Lines.

Outro conceito que chamou a atenção foi o da Amazon Go. Chamada atualmente de walk store, utiliza a visão computacional para gestão de produtos em exposição.

#6 – Ascensão da realidade aumentada e da robótica

A realidade aumentada é uma tecnologia que vem sendo amplamente adotada pelas empresas. Na feira, os destaques foram para a aplicação dos jogos Pokemon Go no varejo, e a XR Experience Reality, uma evolução da realidade aumentada apresentada pela Svarmoni.

Outras aplicações podem ser feitas, como um pickup capaz de  acelerar os processos de fulfillment e a gestão de demanda através da previsão do tempo. 

No espaço food service do evento, a robótica se fez presente com braços mecânicos robotizados para organização de produtos e atividades repetitivas. Teve até máquinas específicas para preparação de hambúrgueres, sem contar nos braços robotizados que fritavam batatas.

#7 – Plataforma SaaS do Walmart

Um gigante americano do varejo também faz sua estreia como empresa de tecnologia. O Walmart entra no mundo do SaaS distribuindo sua plataforma proprietária conhecida como GoLocal, com soluções que possibilitam aos pequenos varejistas ofertar a compra online e retirada nas lojas.

O Walmart GoLocal oferece ampla cobertura dos EUA, especialmente áreas suburbanas e rurais, além de opções de entrega flexíveis (expressa, programada, no mesmo dia, grande e volumosa).

  • Amanda Moura

    Amanda Moura é formada em Ciências Sociais e do Consumo pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e se dedica a estudar comportamento, consumo e tendências.

Newsletter ImLog

Cadastre-se e conheça a logística sob um novo olhar

Mais lidos

Assine a Newsletter da Imlog

Esteja sempre antenado sobre as últimas notícias do universo logístico!